Caranguejo

caranguejo

O caranguejo é um bicho estúpido.
Dizem que anda para trás, mas o desgraçado só se limita a andar para os lados. Tem muitas patas e uma casca dura.
Eu sei, parece uma composição de um menino da primária. Mas é o que me apetece dizer sobre os caranguejos! E porquê? Porque me identifico muito com o bicho, vá…

Ora vejamos: andar “para trás”?
Há uns 2 anos lembro-me de um grande amigo me dizer “És uma nostálgica. Gostas de viver do passado e do que se passou e assim nunca vais andar para a frente”.
Sou nostálgica, sim. O meu ipod está carregadinho de música dos aos 60/70/80. Não gosto de (quase) nada que se tenha feito depois disso.
Gosto muito de me lembrar de tempos passados. Tenho saudades de muitas coisas que aconteceram há anos atrás, apesar de isso não querer necessariamente dizer que era mais feliz na altura.
Não gosto da My Melody ou das Winkx, mas adorava o Dartacão e a Ana dos cabelos ruivos (vá, esta percebe quem, como eu, tem filhos, pronto!).

Muitas patas e uma casca dura? Sou eu!!!
A minha casca dá muito jeito em muitas alturas e lixa-me noutras. Às vezes mudo-a perto das pessoas erradas e quando ela volta a crescer, vem mais forte do que nunca. E as pessoas certas (principalmente A pessoa certa) sofrem com isso.
Porque fico muito fechadinha, muito escondida no meu cantinho… Onde se está tão bem!

Aqui a carangueja vai tentar mudar a casca. Para uma fininha, digamos. Para que proteja na mesma dos predadores mas que sirva para que os bichanos que interessam lá possam entrar e dizer

“Está quentinho, aqui! 🙂 “

Anúncios

O GAJO DA INFORMÁTICA

Este veio, plagiadíssimo, do blog do Aniceto (que também está aí na listinha de blogs):

A) O GAJO DA INFORMÁTICA dorme. Pode parecer mentira, mas O GAJO DA INFORMÁTICA precisa de dormir e descansar como qualquer outra pessoa. Esqueça que ele tem telemóvel e telefone em casa; ligue só para o escritório ou para o telemóvel entre as 09h00m e as 13h00 (manhã) ou entre as 15h00 e as 19h00 (tarde) de Segunda-feira a Sexta-feira. O GAJO DA INFORMÁTICA também precisa de descansar aos Sábados, Domingos, feriados e NOS DIAS QUE INDICOU como estando de férias.

B) O GAJO DA INFORMÁTICA come. Parece inacreditável, mas é verdade. O GAJO DA INFORMÁTICA também precisa de se alimentar e tem horas para isso, TODOS OS DIAS. (Mesmo que não cumpra essas horas, isso é sempre uma decisão do próprio).

C) O GAJO DA INFORMÁTICA pode ter família. Esta é a mais incrível de todas. Mesmo sendo um GAJO DA INFORMÁTICA, precisa de descansar no fim de semana para poder dar atenção à família, aos amigos e a si próprio, sem pensar ou falar em informática, impostos, formulários, reparações e demonstrações, manutenção, vírus, sistemas, backups, etc.

D) O GAJO DA INFORMÁTICA, como qualquer cidadão, precisa de dinheiro. Por esta você não esperava, hã? É surpreendente, mas O GAJO DA INFORMÁTICA também paga impostos, compra comida, precisa de combustível, roupas e sapatos, e ainda consome Xanax para conseguir relaxar. Não peça aquilo pelo que não pode pagar ao GAJO DA INFORMÁTICA.

E) Ler e estudar também é trabalho. E trabalho sério. Pode parar de rir. Não é piada. Quando um GAJO DA INFORMÁTICA está concentrado num livro ou publicação especializada ele está a aprimorar-se como profissional, logo, a trabalhar.

F) De uma vez por todas, vale reforçar: O GAJO DA INFORMÁTICA não é vidente, não faz tarot e nem tem uma bola de cristal para adivinhar o que as outras pessoas pensam ou fazem. Se você julgou que era assim, demita-o e contrate um MEDIUM, um BRUXO ou um DETECTIVE. Ele precisa de analisar, planear, organizar-se e que lhe expliquem DETALHADAMENTE o que é pretendido para assim ter condições de fazer um bom trabalho, seja de que tamanho for. Prazos são essenciais e não um luxo. Se você quer um milagre, ore bastante,faça jejum, e deixe o pobre do GAJO DA INFORMÁTICA em paz.

G) Em reuniões de amigos ou festas de família, O GAJO DA INFORMÁTICA deixa de ser O GAJO DA INFORMÁTICA e reassume o seu posto de amigo ou parente, exactamente como era antes dele ingressar nesta profissão. Não lhe peça conselhos ou dicas. Ele também tem o direito de se divertir.

H) Não existe uma ‘listagenzinha’, uma ‘rotinazinha’, nem um ‘textozinho’, um ‘programinha muito fácil para controlar isto e aquilo’, um ‘problemazinho, que a máquina não liga’, um ‘sistemazinho’, uma ‘visitinha rápida (aliás, recordo que começa no momento em que saímos e se prolonga até chegarmos)’. Assim, esqueça os inha e os inho (programinha, textozinho, visitinha) ‘, pois os GAJOS DA INFORMÁTICA não resolvem este tipo de problemas. Listagens, rotinas e programas são frutos de análises cuidadosas e requerem atenção, dedicação. Planear, organizar, programar com concentração e dedicação, pode parecer inconcebível a uma boa parte da população, mas serve para tornar a vida do GAJO DA INFORMÁTICA mais suportável.

I) Quanto ao uso do telemóvel: o telemóvel é uma ferramenta de trabalho. Por favor, ligue apenas quando necessário. Fora do horário de expediente, mesmo que você ainda duvide, O GAJO DA INFORMÁTICA pode estar a fazer algumas das coisas que você nem pensou que ele fazia, como dormir ou namorar, por exemplo.

J) Pedir a mesma coisa várias vezes não faz O GAJO DA INFORMÁTICA trabalhar mais rapidamente. Solicite. Depois, aguarde o prazo dado pelo GAJO DA INFORMÁTICA.

K) Quando o horário de trabalho do período da manhã vai até 13h00m, não significa que você pode ligar às 12:58 horas. Se você só se lembrou do GAJO DA INFORMÁTICA a essa hora, azar o seu, espere e ligue após o horário do almoço (lembra-se do item B?). O mesmo vale para a parte da tarde: ligue no dia seguinte.

L) Quando O GAJO DA INFORMÁTICA estiver a apresentar um projecto, por favor, não o bombardeie com centenas de perguntas durante a reunião. Isso tira a concentração, além de lhe dar cabo da paciência. ATENÇÃO: Evite perguntas que não tenham relação com o projecto, tipo “Quanto é custou o seu portátil? Aposto que nada, que te dão todo o material com que trabalhas.” ou “O que acha que devo comprar para o meu filho jogar em casa, um portátil ou um desktop?

M) O GAJO DA INFORMÁTICA não inventa problemas, não faz actualizações automáticas de Windows piratas, não tem relação com vírus, em resumo, NÃO É CULPADO PELO MAU USO DE EQUIPAMENTOS, INTERNET E RELATIVOS. Não reclame de coisas de que ele não tem a mínima culpa que você tenha adquirido! O GAJO DA INFORMÁTICA com certeza fez o possível e dentro da legislação em vigor para você pagar menos. Se quer fazer upgrades de borla, instalar programinhas giros, etc., faça-o, mas antes demita O GAJO DA INFORMÁTICA e contrate um TÉCNICO DE EMERGÊNCIA MÉDICA.

N) Os GAJOS DA INFORMÁTICA não são os criadores dos ditados “o barato sai caro” e “quem paga mal paga a dobrar”. Mas eles concordam.

O) Informática é uma matéria referente a computadores (HARDWARE ou SOFTWARE e muito raramente, os dois ao mesmo tempo), e não TV’s, telemóveis e electrodomésticos, etc. Por isso mesmo O GAJO DA INFORMÁTICA não vai ensinar-lhe a mexer no telemóvel, reparar a sua TV, explicar-lhe porque é que comando da sala de estar não funciona quando as pilhas estão esgotadas, entre muitas outras questões.

P) Existem vários tipos de GAJOS DA INFORMÁTICA e cada um tem a sua especialização. Se você parte uma perna não vai ao oftalmologista , pois não? Assim, se o GAJO DA INFORMÁTICA é especialista em software e programação poderá não estar muito à vontade sobre HARDWARE ou REDES e vice-versa para realizar um trabalho de qualidade, portanto não lhe peça para executar trabalhos nos quais não é especialista dizendo “você consegue fazer, para que é que eu vou chamar outra pessoa se você é mesmo bom nisto da informática?”.

Dedicado ao meu mais que tudo. 😛

Chegou a altura

O post vem com 2 semanas de atraso, mas a “altura” chegou na mesma.

– Mãe… Afinal como é que o homem dá o feijão à mulher para depois nascer o bebé?

Uma pequena lição

Vá meninos… Isto é só a ponta do icebergue…
O resto descubram por vocês!

João Aguardela

João Aguardela, 39 anos, morreu de cancro.
Ex-vocalista dos Sitiados, Megafone, com participação em muitos outros projectos, era um moço novo, giro, e um excelente músico. A mim faz-me sempre lembrar quando os Sitiados apareceram…
Diziam-me que era muito parecida com ele, o que não é propriamente um elogio quando se compara uma mulher (mulher… vá, uma teenager!) a um homem.
Tirando isso, a Vida de Marinheiro nunca me agradou propriamente, mas foi tema de muitas festas de adolescente.
Mas não foi a única…

Canibalismo

Um canibal vai ao mercado do Bolhão para comprar um cérebro para o almoço e vê um vendedor a fazer grande propaganda à qualidade dos cérebros de profissionais de futebol que tem em oferta.
O canibal então pergunta ao homem do mercado:

– Quanto é que custa o cérebro de um Boavisteiro?

– Trinta Euros o quilo.

– Humm! E tem de Portista?

– Sim. Oitenta Euros o quilo, é da melhor qualidade.

– E de Sportinguista?

– Também tenho, mas pouco. Produto raro, Cem Euros o quilo, e demora mais para fritar.

– E de Benfiquista?

– Também há. Quatrocentos Euros o quilo.

– O quê? Mas Benfiquistas é o que mais há por aí, diz-se que são mais de seis milhões…. Como pode ser tão caro??? – pergunta o canibal, perplexo.

– Você por acaso faz ideia da quantidade de Benfiquistas que são precisos para se conseguir um quilo de cérebro?

I am what I am

Perdi a conta ao número de vezes que ouvi esta música hoje de manhã.
Estão a imaginar-me de ipod no bolso das calças, auscultadores (gigantes) nos ouvidos e a gritar (não se pode chamar cantar ao que fiz) e a dançar no meio da sala. O canídeo ainda está meio tonto de olhar para mim e deve pensar “foi desta que esta perdeu tudo”. Ainda só são 11 da manhã mas o dia já vai longo e ainda promete durar.
Numa altura em que os tostões estão contados para tudo (e talvez mesmo assim não cheguem para o que é preciso), a música continua a não me desiludir e principalmente deixa-me esquecer por 6 minutos a merda dos problemas. Numa altura em que cada vez admiro mais a(s) pessoa(s) que me rodeia(m) e que daria tudo para poder ajudar como já me ajudaram, a Glorinha grita só para mim em minha casa.
E meu amor,
I bang my own drums
Some think it’s noise I think it’s pretty!

É para ti, dança comigo!!!