O Jeremias

“Sou um cão de rua, ainda cachorro, que fui mordido por um cão com esgana, que me pegou e me paralisou as patas de trás. Vivo em Tróia, nas arcadas de um prédio, com dois amigos meus, que gozam de boa saúde, mas que se ausentam durante o dia, pois não têm nenhuma doença. Eu, infelizmente estou o dia inteiro e outro dia inteiro, na mesma posição.
Naquela zona estão a construir um Resort para gente muito rica e vivo cheio de medo pois o canil de Grandola já me quis levar.
A minha sorte é que a Rosita, um Anjo que ali trabalha reparou em mim, um dia que me chamava para me dar comida.
Reparou que eu não me mexia e até chegou a pensar que eu não lhe ligava. Quando se virou para se ir embora, consegui reunir todas as poucas forças que tenho e chamar a atenção dela. Foi a primeira vez que vi um humano a chorar por mim. Ali naquele momento chorámos os dois. Ela com pena de mim eu, de felicidade, por a ter encontrado.

O Sr. Lourenço, outro Anjo que me apareceu, já me levou ao veterinário que diagnosticou esgana neurológica.

Fiquei para morrer, pois aquele nome esquisito cheirava-me a algo de muito ruim, mas quando o ouvi dizer-lhe que tinha recuperação se fizesse fisioterapia, senti de novo uma enorme vontade de viver e pedi ao Sr. Lourenço e à Rosita que me ajudassem.

Embora seja um cão de rua, hoje agradeço aos humanos que são meus amigos e que estão a fazer tudo para que eu recupere. O meu sonho é poder andar de novo, poder correr e saltar como qualquer cão normal.

É por isso que os meus amigos humanos, criaram este perfil, para que todos os que possam e queiram me ajudem.

Vou no dia 13 de Outubro viajar até Lisboa, no carro do Sr. Lourenço que me vai levar a uma consulta de neurologia com o professor António Ferreira da Faculdade de Medicina Veterinária de Lisboa. Vou ser observado por um especialista para ter um diagnóstico totalmente correcto e me dizerem quanto tempo de fisioterapia vou ter que fazer.

Depois, os meus amigos terão que me pôr na Quinta Monte dos Vendavais, sitio onde farei a fisioterapia. Lá é também um hotel para cães e sei que quando lá entrar me vou cruzar com outros cães, que são felizes, podem correr, saltar e acima de tudo têm donos que não os abandonaram.

Os meus amigos vão tentar negociar um alojamento para mim, a preço especial, para eu ficar lá enquanto faço a fisioterapia, mas tudo isso será óptimo e sei que vão conseguir, mas….só se arranjarem dinheiro para eu poder ser tratado, porque se não arranjarem, não sei o que vai ser de mim. Irei piorar e , ou o canil irá levar-me e deixar-me a morrer sem dignidade nenhuma ou então, serão os meus amigos que, por falta de verba, me terão de adormecer para sempre.

Por isso peço a todos que me ajudem, nem que seja com pouco, pois se forem muitos, eu poderei sobreviver.

Vai ser aberta uma conta na CGD (anunciarei aqui o NIB muito em breve), pois o Sr. Lourenço trabalha numa dependência em Lisboa e peço a todos, nem que seja um euro, para eu poder recuperar e ser Feliz. Por favor…AJUDEM-ME!!!!

“Esta é a conta criada para se ajudar o Jeremias. Está em nome do gerente do banco, para assim podermos beneficiar da isenção de despesas de manutenção de conta. Agradecemos, desde já a todos vós, a ajuda que nos possam dar para a recuperação deste nosso amigo. Iremos manter todos informados do montante conseguido.

Bem hajam, meus amigos.

Banco – Caixa Geral Depósitos – Lisboa

– Conta: nº 0292/006092/030;

– NIB: nº 003502920000609203082;

– IBAN: nº PT 50003502920000609203082.”

Se puderem ajudar… E espreitem o hi5 do Jeremias aqui!

Anúncios

Superwoman

Ontem à noite tentei pôr o vídeo desta música da Alicia Keys aqui no blog. Não consegui, o que faz ainda menos Superwoman de mim. Estou muito cansada. Muito triste. Muito sem forças. E tenho tantas saudades tuas, papá…

Sushi

Hoje tirei a manhã para organizar facturas, recibos, papéis e muito lixo.

Bem, este ano, só em jantares de sushi EU paguei 600 euros.
Mais os outros tantos que pagou o meu gajo, estou a ver que esta merda é um vício caro…

Preciso de vender pins, pessoal!!!

Vai mas é trabalhar, pá!!!

Festival Termómetro

Já ouviram falar, com certeza. Mas se calhar não sabiam era que a pin-a-cloth estará presente! 😀

Espreitem aqui ou aqui!

I kissed a girl

Ai ai ai ai ai…

Estou doente.
De cama desde segunda feira, ele é uma mistura de dores de cabeça, dores de garganta, dores no corpo todo, febre, muito ranho… Ou seja, uma gripe.

Numa das semanas mais ocupadas da minha vida, a gripe chega como um “toma lá que é para aprenderes!” e deixa-me de rastos.
Tenho tantos pins para fazer meu deus! Tenho tanta coisa para fazer fora de casa e fora da cama que só me apetece espancar o gajo que inventou esta merda.

A minha mãe dizia ontem “Se um dia houver uma pandemia, vai ser de certeza provocada por uma gripe”, e eu concordo.
Esta merda não mata, mas mói. E muito…