Kanjas com k pequeno

Em resposta a  isto , cá vai:

As 500 palavras têm de ser diferentes? É que ao limitares um texto sem se poder falar de certos e determinados assuntos, cortas logo a criatividade à malta. Já alguém escreveu isso? Os resultados são satisfatórios? Vejamos, não posso falar de bola, logo não posso falar do meu lindo Futebol Clube do Porto. Se não posso falar de coisas que aconteceram na realidade, não posso falar do virus dos patos que parece que atingiu muita gente há uns tempos no MSN e que ainda acho que dá barraca por alguns lados. Se não posso falar do tempo, não posso falar do frio do caralho que se tem feito sentir apesar de o sol brilhar como se fosse Verão. Cenas políticas, coisas sérias e religião também nunca iria falar, por isso podes estar descansado. Mas será que posso falar da merda do desafio que me fizeste? Será que posso dizer que não consigo mesmo arranjar assuntos (ou falta deles) para escrever 500 palavras se não mencionar nenhum dos assuntos que tu tão prontamente tornaste tabu? Ah, espera… Posso falar de música! Não creio que alguém englobe a música em algum destes temas. (E se o fizeres, tenho guardado um grande e delicioso .|. para ti). Cá vai então: Gosto de música. Gosto de pôr música só para eu poder dançar à vontade. Gosto de Funk. Gosto de Disco. Gosto de dançar. Gosto de pôr a música tão alta que incomoda as outras pessoas, mesmo que depois precise de usar protectors auriculares para proteger os meus delicados tímpanos. Gosto das noites em que eu e a Raquel pomos música só para nós apesar de dizermos aos outros que também é para eles (e ainda por cima pagam-me para isso). Gosto de Stevie Wonder, de Jamiroquai, de Diana Ross & The Supremes, de Burt Bacharah, de Ottis Redding, de Bezegol, de Sly & The Family Stone, de Kool & The Gang, de Amy Winehouse, de Marvin Gaye, de Quantic Soul Orchestra, de India Arie, de Rita Lee, de Abba, de Chic, de Jill Scott, de Los Hermanos, de Queen, de David Bowie, de Beatles, de Curtis Mayfield, de Bill Withers, de The O’Jays, de Smokie Norful, de Amp Fidller, de En Vogue, de Fortuna (o album só sai para o ano que vem), de Peter Shark e os Fadinhos do Piorio, de Aretha Franklin, de Janis Joplin, de Ray Charles, de Funkadelic, de Cansei de Ser Sexy, de Kanye West, de New York Dolls, de Imogen Heap, de Ornatos Violeta, de Pluto, de She Wants Revenge, de Scissor Sisters, de Fanfare Ciocărlia, de Robert Randolph & The Family Band, de Bjork, de Beach Boys,, de Bootsy Collins, de Rolling Stones, de Elvis Presley, de Mariza, de Gilberto Gil, de Corinne Bailey Rae, de Nina Simone, de Doors, de Billie Holiday, de
D’Angelo e muitos, muitos mais que estes. Ficas com a lista do que tens de sacar/ouvir e eu fico com as 500 palavras escritas e o sentido de dever cumprido. O FIM.

Sorrisos…

… sou uma gaja cheia deles! =) 

 3s.jpg

O amor…

Li esta no JN de hoje:

Um triângulo amoroso formado por idosos utentes do Lar de Nossa Senhora da Conceição da Santa Casa da Misericórdia de Paredes de Coura descambou numa agressão à paulada perpetrado pelo namorado de uma mulher de 65 anos a um seu alegado pretendente. O agredido teve de receber tratamento hospitalar a ferimentos na cabeça, que foram infligidos, à socapa, com um pau, e o agressor foi penalizado com o afastamento da instituição durante um mês. O castigo foi cumprido sem que a relação amorosa assumida pelos dois idosos tenha sido interrompida.

O episódio, ocorrido a 22 de Outubro último, conta-se em duas penadas. Um idoso de 79 anos, que namora com uma das mais de meia centena de utentes do Lar de Nossa Senhora da Conceição, não terá gostado de ver a sua companheira ser assediada por outro colega de 75 anos. Num dia em que o presumível pretendente atirou um piropo à sua amada, não se conteve e desatou a bater com um pau na cabeça do rival.

‘Encontrou o outro desprevenido e agrediu-o com um pau na cabeça. Isso foi presenciado por vários colegas idosos e funcionários da Misericórdia que estavam no local’ contou, ao JN, o provedor da Santa Casa de Paredes de Coura, António Pereira Júnior.

‘As pessoas acudiram logo e separaram-nos, mas é claro que a Direcção do lar deu ordem imediata de suspensão do idoso, também para salvaguardar a sua integridade física, porque, apesar de ter apenas mais quatro anos do que o agredido, se encontra já muito mais debilitado’, acrescentou.

Ao agressor, a Direcção do lar aplicou depois, oficialmente, uma sanção de 15 dias de suspensão em casa, mais outros 15 dias de isolamento no lar, mas o homem optou por cumprir o castigo totalmente no seu domicílio, onde, ao que o JN apurou, passa os fins-de-semana com a namorada.

Skatalites – as fotos

Só mesmo para curtir um bocado… 😛

1.jpg

2.jpg

4.jpg

5.jpg

Sim, interessou-me mais pôr fotos do pessoal do que as da banda propriamente ditas. 🙂

Cheiros

Há pessoas que têm um cheiro tão forte que se torna único. Não, não estou a falar do suor ou da catinga. Falo mesmo de cheiros bons. E fico vidrada no teu cheiro… Acordo de manhã a sentir o cheiro da noite. Não me apetece ir tomar banho com medo que ele desapareça. E tenho vontade que venhas ter comigo mais que não seja só para me deixares novamente o teu cheiro.

É hoje

No nº 59 da Rua do Breiner, a partir das 22 horas, tem início uma sucessão de grandiosas noites.
Sim, todas as noites são boas lá, mas algumas são melhores que as outras. E o último sábado de cada mês será fantástico.
A noite chama-se ‘Uptown Bitches’ (o flyer anda por aí), as DJs são boas DJs, a diversão está garantida. Venham beber um copo ao som do melhor Soul, Funk & Disco que anda por aí. Prometemos diversão.

Apareçam!!!

Como se diz pénis em croata?

A derrota da Inglaterra às mãos da Croácia na passada quarta-feira não marcou apenas o afastamento dos ingleses do Euro-2008. Houve um pequeno incidente no hino croata que marcou a festa dos visitados. Uma gaffe que escapou aos ouvidos dos menos atentos.

Tony Henry, cantor de ópera britânico, actuou perante os 80 mil espectadores do novo Estádio de Wembley e no fim do hino croata cometeu um erro que, para quem não conhece a língua, até pode ser perdoado. O cantor devia ter dito «Mila kuda su plania», que quer dizer «sabes querida como gostamos das tuas montanhas». Em vez disso, Henry entoou «Mila kura si planina», que significa «minha querida, o meu pénis é uma montanha».

A grande curiosidade deste «pequeno» erro é que o cantor será um dos poucos ingleses a marcar presença no Euro-2008, uma vez que já foi convidado para entoar o hino croata na competição da Áustria e da Suíça. Para os croatas, a gaffe de Henry relaxou os jogadores da selecção e conduziu-os à vitória sobre os ingleses.

Em declarações à BBC, o cantor admitiu o erro e desculpou-se: «Nem me consigo defender. Era a última coisa que eu intencionalmente faria e tudo o que posso dizer é que se ofendi alguns croatas então eles merecem as minhas sinceras desculpas.»

Em sua defesa, Henry tem o facto de não saber croata e de ter errado na pronúncia. Zeljka Tomljenovic, secretário da Associação Croato-britânica, desculpou-o: «Não o culpo porque a pronúncia é muito difícil. Ele tinha um grande desafio, que era cantar um hino numa língua que não conhece.»

Outras frentes justificaram o engano pela pressão exercida por se encontrar num estádio rodeado de milhares de pessoas. A verdade é que o erro passou despercebido à maior parte das pessoas e, incrivelmente, até agradou aos croatas. «Eles acharam fantástico, convidaram-no para cantar no Euro-2008 e perguntaram-lhe se podia ser a sua mascote», explicou o agente do cantor.

in maisfutebol